Implante Unitário Otimizando a Estética

  Caso clínico, 08 de Dez de 2013

Resumo

Paciente com implante feito em curso de atualização, chega ao consultório para reabertura e coroa metalo-ceramica unitária, com grande depressão gengival na vestibular do elemento 11. Feita a reabertura com concomitante enxerto de tecido conjuntivo para otimizar os tecidos moles, aguardamos 3 semanas para inicio das moldagens para a coroa temporária. Após colocação e ajustes da coroa temporária parafusada, aguardamos 3 meses para completa maturação dos tecidos e então fizemos nova moldagem, com personalização do transferente para moldeira aberta individual e fizemos coros metalo-cerâmica parafusada.

Fotos do caso

Envie seu comentário

Cadastre-se grátis e opine sobre este caso clínico.

Autor

Veja mais

Dr. Jorge Mulatinho

Cirurgião-Dentista

 São Paulo, SP

Formado pela USP em 1979, atuo nas areas de Periodontia e Implantodontia (Cirurgias de implantes, Enxertos Osseos e Protese sobre Implantes). Professor Titular de Implantodontia... Leia mais

Cursos Online em destaque

Pesquisar produtos

Veja mais no Catálogo

Leia também

Grand Morse – A Grandeza é uma Conquista

  Artigo em Implantodontia

Troca de Coroa Metal Ceramica Sobre Implantes

  Caso clínico em Implantodontia

Coroa Metalo-Ceramica Unitária Cimentada

  Caso clínico em Implantodontia

Você é dentista?

Crie seu perfil para interagir com Dr. Jorge e mais 90 mil dentistas.

Conecte-se com Facebook

Oferecimento