Restauração Classe V - Técnica Direta/indireta

  Artigo, 03 de Nov de 2010

Esta técnica de restauração chamamos de técnica direta/indireta, pois ela é uma mistura de ambas as técnicas. Juntamos as vantagens de cada uma para resolver alguns casos que no dia-a-dia nos tiram tempo no consultório.

Neste caso, selecionamos esta técnica pela dificuldade de isolamento.

Iniciamos pela colocação de fio retrator e remoção do cavit.

Removemos um pouco de tecido cariado remanescente.

Regularizamos as paredes do preparo e deixamos a cavidade levemente expulsiva.

Confeccionamos a restauração em resina composta com camadas de dentina e esmalte e polimerizamos.

Diretamente em boca, passamos um soft-lex pop-on grosso, e removemos os excessos mais grosseiros.

Deslocamos a restauração da cavidade.

Muitos colegas ainda usam ou já usaram a técnica da moldeira individual com pestana para moldagem com impregum certo?? esses vão gostar dessa parte, ao pegar a restauração em mão, é possível identificar a margem do preparo e com um soft-lex remover os excessos.

Fazemos então a polimerização adicional com luz e polimerização adicional térmica enquanto fazemos os preparos p a cimentação.

Isolamos o dente, fazemos a prova da restauração para verificar a adaptação, hibridização do preparo, preparo da restauração para cimentação, e cimentamos.

Remoção dos excessos do cimento resinoso, ataque ácido nas margens e aplicação e selante, polimerização com algum inibidor de oxigênio, acabamento das margens e era isso.

Parece muitos passos, mas na prática, com uma boa auxiliar, a coisa funciona muito bem, e em uma consulta, sem necessidade de procedimentos cirúrgicos nem grandes manobras p isolamento e afastamento gengival, é possível resolver o caso.

Esta técnicas é bem interessante de ser usada para casos múltiplos. 

As vantagens para este tipo de procedimento são:

- redução do tempo mais crítico do trabalho que é o procedimento adesivo. Em uma restauração direta, é preciso mais tempo com o dente isolado em condições ideais, neste caso, o tempo crítico se restringe ao procedimento de cimentação, que é muito mais rápido.

- contração de polimerização é conpensada e restrita à linha do cimento resinoso.

- propriedades melhoradas da resina composta graças a polimerização adicional.

- acabamento e polimento ficam facilitados 

- procedimento em uma única consulta.

A desvatagem fica por conta da estética, uma vez que todo trabalho realizado direto em boca tem uma condição melhor esteticamente em relação à união dente/restauração.

Fotos do artigo

Envie seu comentário

Cadastre-se grátis e opine sobre este artigo.

Autor

Veja mais

Dr. Carlos Blos

Cirurgião-Dentista

 Campo Bom, RS

Trabalho na área de reabilitação bucal e estética em odontologia, excutando implantes dentários, enxertos ósseos, cirurgias pré-protéticas, próteses sobre implante e... Leia mais

Cursos Online em destaque

Pesquisar produtos

Veja mais no Catálogo

Leia também

Você é dentista?

Crie seu perfil para interagir com Dr. Carlos e mais 120 mil dentistas.

Conecte-se com Facebook

Oferecimento